Mãe e filhos

Gerando vidas e realizando sonhos!

Transferência de embriões


A transferência embrionária é o último estágio da Fertilização In Vitro, onde os embriões dos pacientes são transferidos para o útero da futura mamãe. A técnica é rápida e, ao mesmo tempo, muito delicada, assim, demanda muito cuidado e conhecimento de quem o realiza.


Todo o processo dura, em média, 15 minutos e consiste em depositar os embriões na cavidade uterina. Para isso, o especialista utiliza um tubo de plástico fino e muito delicado chamado cateter que é introduzido por meio do colo do útero e, uma vez no interior da cavidade, os embriões são depositados. Não há a necessidade de sedação da paciente.


Após o procedimento, é recomendado que a mulher permaneça em repouso relativo por dois dias. Existem muitos casos em que as mulheres apresentam um leve fluxo de sangue, o que é considerado normal, contudo, se houver um grande volume de sangue ou o casal ficar preocupado, pode-se contatar o médico.


Identificação da gravidez


É natural que, depois da transferência, os pacientes tenham um forte desejo em saber se o tratamento foi efetivo e resultou em uma gravidez. Todavia, é preciso esperar 14 dias, após a realização do procedimento, para fazer o exame de sangue BHCG quantitativo, que mede os níveis do hormônio no organismo e identifica a presença da gravidez. Além disso, dentro de 21 dias, é possível realizar uma ultrassonografia transvaginal para visualizar o saco gestacional.


Conseguiu entender o que é e como é realizada a transferência de embriões na Reprodução Assistida? Possui alguma dúvida sobre o tratamento? Então, entre em contato e vamos conversar sobre o seu caso e as possibilidades de tratamento!


#reproducaoassistida #transferenciaembrionaria #transferenciadeembrioes #gravidez #fiv #fertilizacaoinvitro #fertilizacaoinvitrobrasilia #reproducaoassistidabrasilia